On_Off – Experiências em Live Image no Itaú Cultural

Ainda neste ano (2007), tive a oportunidade de participar de um workshop na oficina Oswald de Andrade sobre Live Images com o Luis Duva. É muito mais que apenas orquestrar imagens e sons; é criar, questionar, instigar novas sensações nas pessoas por meio de imagens e sons. Lembrei-me disso porque na próxima quinta-feira, dia 26 de Julho, no Itaú Cultural acontecerá o evento Espetáculos On-Off. Vou dispor aqui, na íntegra, o que está disponível no site. Não perca!

 

Experiências híbridas

 

Terceira edição do evento On_Off reúne artistas que exploram a interação de linguagens

Vídeo. Cinema. Música. Performance e imagens em movimento. A terceira edição do On_Off – Experiências em Live Image exibe o trabalho de artistas que elaboram e experimentam meios e linguagens híbridas para compor e mixar imagens.

Narrativas audiovisuais são criadas, por meio de combinações e justaposições de imagens, em performances processadas ao vivo.

Esta edição de On_Off conta com a videoperformance O Lugar aonde os Carros não Vão, de Eder Santos, com trilha sonora de Paulo Santos; o trabalho Repentismo Visual/Cinejoqueys, de Aléxis Anastasiou e Gen; e a performance Commento, da dupla Müvi (Ricardo Carioba e Fabio Villas Boas).

sala itaú cultural 255 lugares
[ingressos distribuídos com meia hora de antecedência]

quinta 26

20h ( abertura )O Lugar aonde os Carros não Vão com Eder Santos

participação Mônica Ribeiro
trilha sonora Paulo Santos e Josefina Cerqueira
Videoperformance de Eder Santos, em que o espaço é a imagem e a imagem cria um espaço forjado por projeções simultâneas, construídas e mixadas ao vivo. Um jogo de deslocamento de sentidos, que inventa territórios mágicos e estabelece sinestesias literária, teatral, musical e cinematográfica.

21h coquetel de abertura

sexta 27

19h30 O Lugar aonde os Carros não Vão com Eder Santos

participação Mônica Ribeiro e Maria Luísa Mendonça
trilha sonora Paulo Santos e Josefina Cerqueira

sábado 28

19h30 Repentismo Visual/Cinejoqueys com Aléxis Anastasiou e Gen

Aléxis e Gen exploram em seu set Cinejoquey//Cine-repentista a experiência audiovisual do VJ no ambiente da sala de cinema. As ferramentas de edição do VJ possibilitam a livre construção de um fluxo improvisado de imagens, sons e música. A dupla constrói o fluxo buscando conteúdo em uma ampla gama de possibilidades, equilibrando o sampling com composições próprias, remixes de filmes, composições sonoras, loops, noticiários de TV e documentários. Autênticos repentistas digitais.

domingo 29

19h30 Commento com Müvi – Ricardo Carioba e Fabio Villas Boas

O Muvi faz com que a imagem seja construída por planos da cidade de São Paulo. Com alterações gráficas, ela se divide e se multiplica. A trilha sonora cria efeitos e sentidos polifônicos, altera o ritmo dos planos e elabora um tempo deslocado do movimento realista do cenário urbano.

Publicado por Darlene Carvalho

One Comment

Comente aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s