Posts de Darlene Carvalho

arte | design | foto | www.darlenecarvalho.com

BACURAU – PROMOÇÃO CINEMARK

bacurau-promocao-CinemarkOlha a oportunidade pra gente ver esse filme na tela de cinema! Promoção do Cinemark no 20º Projeta Brasil que acontece no próximo dia 12/11/2019. Entra nesse site e confira a programação direitinho:

E a gente se vê no cinema, combinado?

Abraços,

Darlene Carvalho / AgendaCult

MOSTRA DE FILMES DO ALMODÓVAR NO MIS

tumblr_pyaso1ki8k1qcbsbho1_1280

O QUÊ?

QUANDO?

24 a 29 de Setembro de 2019 — Programação

24/09/2019

16h | Pepi, Luci, Bom e outras garotas de montão (Pepi, Luci, Bom y otras chicas del montón, dir. Pedro Almodóvar, 1980, 1h20, 18 anos, digital) | Auditório MIS

Pepi é uma moça moderna, criativa e amoral que vive perto da casa de Luci. Luci é uma típica dona de casa, submissa ao marido policial. Bom é violenta, perversa e muito jovem. Um acontecimento inesperado irá mudar o destino das três. E do policial.

17h | Matador (Matador, dir. Pedro Almodóvar, 1985-86, 1h36, 18 anos, digital) | Auditório LABMIS

Um toureiro precocemente aposentado, seu aluno ingênuo e perturbado, filho de uma mãe membro da Opus Dei, uma vizinha sedutora e uma misteriosa advogada. Em meio a uma onda de crimes sexuais em Madri, suas vidas se cruzam.

18h | Labirinto de paixões (Laberinto de pasiones, dir. Pedro Almodóvar, 1982, 1h40, 18 anos, 35 mm) | Auditório MIS

Os caminhos de Sexília, uma jovem ninfomaníaca, e Riza Niro, herdeiro de um derrotado imperador árabe, se cruzam em uma efervescente Madri. Música, violência, perseguições, espionagem e paixões são elementos que compõem essa história que pode ter ou não um final feliz.

19h | De salto alto (Tacones lejanos, dir. Pedro Almodóvar, 1991, 1h53, 16 anos, digital) | Auditório LABMIS

Becky del Páramo é uma famosa cantora que há quinze anos abandonou a filha, Rebeca, para investir na carreira. De volta à Espanha, surpreende-se ao descobrir que a filha agora é uma estrela da TV e está casada com seu antigo amante.

20h | Tudo sobre minha mãe (Todo sobre mi madre, dir. Pedro Almodóvar, 1999, 1h40, 14 anos, digital) | Auditório MIS

Após a morte prematura de Esteban, seu único filho, Manuela resolve retornar a Barcelona com um único intuito: encontrar o pai do menino, a travesti Lola. Cruzam seu caminho a travesti Agrado, a freira Rosa e a atriz Huma Rojo, estrela de uma montagem de Um bonde chamado desejo.

25/09/2019

16h | Os amantes passageiros (Los amantes pasajeros, dir. Pedro Almodóvar, 2013, 1h31, 14 anos, digital) | Auditório MIS

Um avião da companhia aérea Península enfrenta problemas durante um voo para o México. Todos os passageiros da classe econômica são dopados. Os únicos acordados são os da classe executiva, que decidem abrir o jogo sobre segredos de suas vidas pessoais ao perceberem que podem morrer.

17h | A flor do meu segredo (La flor de mi secreto, dir. Pedro Almodóvar, 1995, 1h42, 14 anos, digital) | Auditório LABMIS

Leo escreve romances cor-de-rosa sob o pseudônimo de Amanda Gris. Paralelamente, ela se sente infeliz, pois seu marido é um militar que está sempre no exterior. Quando seu casamento começa a entrar em crise, Leo se vê entrando em desespero, o que a faz beber e parar de escrever seus contos.

18h | Fale com ela (Hable con ella, dir. Pedro Almodóvar, 2002, 1h52, 14 anos, digital) | Auditório MIS

Dois homens apaixonados, duas mulheres em coma. O enfermeiro Benigno, pela bailarina Alicia; o escritor Marco, pela toureira Lydia. A vida dos quatro personagens flui em todas as direções, passado, presente e futuro, arrastando os quatro para um destino inesperado.

19h | Ata-me! (¡Átame!, dir. Pedro Almodóvar, 1989, 1h41, 18 anos, digital) | Auditório LABMIS

Ricky sai de um reformatório psiquiátrico e vai para um set de filmagens, onde Marina Osorio, uma ex-viciada em heroína e ex-atriz pornô que ele já conhecia, está rodando um filme de terror B. Após o término das filmagens, Ricky invade o apartamento de Marina e diz que quer ser seu marido e o pais de seus filhos.

20h | A pele que habito (La piel que habito, dir. Pedro Almodóvar, 2011, 2h13, 14 anos, digital) | Auditório MIS

Roberto Ledgard é um conceituado cirurgião plástico que vive com a filha Norma. Ela possui problemas psicológicos causados pela morte da mãe. O cirurgião pensa que a filha foi estuprada e elabora um plano para se vingar do suposto estuprador.

26/09/2019

16h | De salto alto (Tacones lejanos, dir. Pedro Almodóvar, 1991, 1h53, 16 anos, digital) | Auditório MIS

Becky del Páramo é uma famosa cantora que há quinze anos abandonou a filha, Rebeca, para investir na carreira. De volta à Espanha, surpreende-se ao descobrir que a filha agora é uma estrela da TV e está casada com seu antigo amante.

17h | Pepi, Luci, Bom e outras garotas de montão (Pepi, Luci, Bom y otras chicas del montón, dir. Pedro Almodóvar, 1980, 1h20, 18 anos, digital) | Auditório LABMIS

Pepi é uma moça moderna, criativa e amoral que vive perto da casa de Luci. Luci é uma típica dona de casa, submissa ao marido policial. Bom é violenta, perversa e muito jovem. Um acontecimento inesperado irá mudar o destino das três. E do policial.

18h | A lei do desejo (La ley del deseo, dir. Pedro Almodóvar, 1986, 1h40, 16 anos, 35 mm) | Auditório MIS

Pablo é um diretor teatral com um paixão não correspondida por Juan. Ao seu redor estão Tina e Antonio. Ela é atriz e sua irmã, que realizou uma operação de mudança de sexo anos antes para manter uma relação incestuosa com o pai; ele é um jovem de classe média com dificuldade em assumir sua homossexualidade.

19h | Mulheres à beira de um ataque de nervos (Mujeres al borde de un ataque de nervios, dir. Pedro Almodóvar, 1987, 1h35, 12 anos, digital) | Auditório LABMIS

Pepa é uma dubladora recém-abandonada por seu amante Ivan e se desespera tentando encontrá-lo. Sua amiga Candela busca ajuda, pois descobre que o namorado é um terrorista xiita e teme ser presa. A esposa de Ivan descobre a traição do marido e decide matá-lo.

20h | Volver (Volver, dir. Pedro Almodóvar, 2006, 2h01, 14 anos, digital) | Auditório MIS

Madri. Dias de hoje. Raimunda é uma jovem mãe, empreendedora e muito atraente, com um marido desempregado e uma filha em plena adolescência. A economia familiar é muito precária, por isso Raimunda tem vários trabalhos.

27/09/2019

15h | A flor do meu segredo (La flor de mi secreto, dir. Pedro Almodóvar, 1995, 1h42, 14 anos, digital) | Auditório LABMIS

Leo escreve romances cor-de-rosa sob o pseudônimo de Amanda Gris. Paralelamente, ela se sente infeliz, pois seu marido é um militar que está sempre no exterior. Quando seu casamento começa a entrar em crise, Leo se vê entrando em desespero, o que a faz beber e parar de escrever seus contos.

16h | Kika (Kika, dir. Pedro Almodóvar, 1993, 1h52, 14 anos, digital) | Auditório MIS

Kika é uma maquiadora bastante otimista que se envolve com o fotógrafo Ramón após uma situação bem inusitada. Ele é um sujeito muito fechado, mas isso não impede a felicidade do casal, que terá que superar apenas o fato de que Kika era amante de Nicholas, o padrasto de Ramon.

17h | Fale com ela (Hable con ella, dir. Pedro Almodóvar, 2002, 1h52, 14 anos, digital) | Auditório LABMIS

Dois homens apaixonados, duas mulheres em coma. O enfermeiro Benigno, pela bailarina Alicia; o escritor Marco, pela toureira Lydia. A vida dos quatro personagens flui em todas as direções, passado, presente e futuro, arrastando os quatro para um destino inesperado.

18h | Que eu fiz para merecer isto? (¿Qué he hecho yo para mercer esto?, dir. Pedro Almodóvar, 1984, 1h42m, 14 anos, 35 mm) | Auditório MIS

Gloria trabalha como diarista e não tem um minuto livre. Sua própria casa já lhe proporciona ocupação suficiente para todo o dia. Não é uma mulher feliz. Como muitas empregadas espanholas, não teve as mesmas oportunidades que Carolina de Mônaco.

19h | Abraços partidos (Los abrazos rotos, dir. Pedro Almodóvar, 2009, 2h09, 14 anos, digital) | Auditório LABMIS

Um homem escreve, vive e ama na escuridão. Quatorze anos antes sofreu um brutal acidente de carro na ilha de Lanzarote. No acidente, não só perdeu a vista, mas também Lena, a mulher de sua vida.

20h | Maus hábitos (Entre tinieblas, dir. Pedro Almodóvar, 1983, 1h55, 18 anos, 35 mm) | Auditório MIS

Yolanda Bell, uma jovem cantora de boleros, viciada em drogas, imprudente e ambígua, vê seu namorado Jorge morrer de overdose de heroína com estricnina, que ela mesma lhe aplicou. Encontra refúgio no covento das Redentoras Humilhadas, cuja Madre Superiora é sua grande admiradora.

28/09/2019

15h | Julieta (Julieta, dir. Pedro Almodóvar, 2016, 1h36, 14 anos, digital) | Auditório LABMIS

Julieta é uma mulher de meia idade que está prestes a se mudar de Madri para Portugal, para acompanhar seu namorado Lorenzo. Entretanto, um encontro fortuito na rua com Beatriz, uma antiga amiga de sua filha Antía, faz com que Julieta repentinamente desista da mudança.

16h | Mulheres à beira de um ataque de nervos (Mujeres al borde de un ataque de nervios, dir. Pedro Almodóvar, 1987, 1h35, 12 anos, digital) | Auditório MIS

Pepa é uma dubladora recém-abandonada por seu amante Ivan e se desespera tentando encontrá-lo. Sua amiga Candela busca ajuda, pois descobre que o namorado é um terrorista xiita e teme ser presa. A esposa de Ivan descobre a traição do marido e decide matá-lo.

17h | Matador (Matador, dir. Pedro Almodóvar, 1985-86, 1h36, 18 anos, digital) | Auditório LABMIS

Um toureiro precocemente aposentado, seu aluno ingênuo e perturbado, filho de uma mãe membro da Opus Dei, uma vizinha sedutora e uma misteriosa advogada. Em meio a uma onda de crimes sexuais em Madri, suas vidas se cruzam.

18h | Má educação (La mala educación, dir. Pedro Almodóvar, 2004, 1h45, 18 anos, digital) | Auditório MIS

Madri, 1980. Enrique Goded é um cineasta que passa por um bloqueio criativo. É quando se aproxima dele um ator que procura trabalho, se identificando como Ignacio Rodriguez, que foi o amigo mais íntimo de Enrique e também o primeiro amor de sua vida quando ainda eram garotos e estudavam no mesmo colégio.

19h | Tudo sobre minha mãe (Todo sobre mi madre, dir. Pedro Almodóvar, 1999, 1h40, 14 anos, digital) | Auditório LABMIS

Após a morte prematura de Esteban, seu único filho, Manuela resolve retornar a Barcelona com um único intuito: encontrar o pai do menino, a travesti Lola. Cruzam seu caminho a travesti Agrado, a freira Rosa e a atriz Huma Rojo, estrela de uma montagem de Um bonde chamado desejo.

20h | Dor e glória (Dolor y gloria, dir. Pedro Almodóvar, 2019, 1h54, 16 anos) | Auditório MIS

Salvador Mallo é um melancólico cineasta em declínio que se vê obrigado a pensar sobre as escolhas que fez na vida quando seu passado retorna. Entre lembranças e reencontros, ele reflete sobre sua infância na década de 1960, seu processo de imigração para a Espanha, seu primeiro amor maduro e sua relação com a escrita e com o cinema.

29/09/2019

15h | Má educação (La mala educación, dir. Pedro Almodóvar, 2004, 1h45, 18 anos, digital) | Auditório LABMIS

Madri, 1980. Enrique Goded é um cineasta que passa por um bloqueio criativo. É quando se aproxima dele um ator que procura trabalho, se identificando como Ignacio Rodriguez, que foi o amigo mais íntimo de Enrique e também o primeiro amor de sua vida quando ainda eram garotos e estudavam no mesmo colégio.

16h | Ata-me! (¡Átame!, dir. Pedro Almodóvar, 1989, 1h41, 18 anos, digital) | Auditório MIS

Ricky sai de um reformatório psiquiátrico e vai para um set de filmagens, onde Marina Osorio, uma ex-viciada em heroína e ex-atriz pornô que ele já conhecia, está rodando um filme de terror B. Após o término das filmagens, Ricky invade o apartamento de Marina e diz que quer ser seu marido e o pais de seus filhos.

17h | Kika (Kika, dir. Pedro Almodóvar, 1993, 1h52, 14 anos, digital) | Auditório LABMIS

Kika é uma maquiadora bastante otimista que se envolve com o fotógrafo Ramón após uma situação bem inusitada. Ele é um sujeito muito fechado, mas isso não impede a felicidade do casal, que terá que superar apenas o fato de que Kika era amante de Nicholas, o padrasto de Ramon.

18h | Carne trêmula (Carne trémula, dir. Pedro Almodóvar, 1997, 1h39, 18 anos, digital) | Auditório MIS

Madri, janeiro de 1970. Uma prostituta tem um filho em um ônibus quando tentava chegar à maternidade. O bebê se chama Victor. Após vinte anos, Victor está começando sua vida adulta e tenta se encontrar com Elena, desconhecida com quem, uma semana antes, teve um fugaz encontro.

19h | Volver (Volver, dir. Pedro Almodóvar, 2006, 2h01, 14 anos, digital) | Auditório LABMIS

Madri. Dias de hoje. Raimunda é uma jovem mãe, empreendedora e muito atraente, com um marido desempregado e uma filha em plena adolescência. A economia familiar é muito precária, por isso Raimunda tem vários trabalhos.

QUANTO?

Ingresso Gratuito — retirada com uma hora de antecedência na recepção MIS.

ONDE?

Auditório Mis (172 lugares) / Auditório LabMis (64 lugares)

Museu da Imagem e do Som

Av. Europa, 158 – Jd. Europa – São Paulo – SP – 01449-000

ORQUESTRA HELIÓPOLIS SINFÔNICA NO MASP

Apresentação da Orquestra Heliópolis Sinfônica no MASP no próximo domingo, 18 de Agosto de 2019. O concerto começa às 11h no auditório do MASP. Cada ingresso: R$ 10.

Dessa vez, a apresentação poderá ser filmada, aplaudida e cantada à vontade por quem desejar. O tenor brasileiro Jean William cantará Con te partirò, de Francesco Sartori; Turandot – “Nessun dorma”, de Giacomo Puccini e Mamma, de Cesario Andrea Bixio, entre outras canções.


O Quê?

Orquestra Heliópolis Sinfônica

Regente Edilson Venturelli.

Convidado: Jean William

Quando?

Domingo, 18 de Agosto de 2019. 11h.

Quanto?

R$10 → Pode garantir seu ingresso antecipadamente pelo site do MASP: www.masp.org.br

Onde?

Auditório do MASP

Av. Paulista, 1578 – Bela Vista – São Paulo – SP

HILDA HILST NO TEATRO DE ARENA

Festival Hilda Hilst no Teatro de Arena Eugênio Kusnet, pertinho da Praça Roosevelt. Esse festival conta com peças teatrais, shows, cortejo, oficinas e rodas de conversa realizados pela Companhia Barco, com participação de artistas e grupos convidados. O ingresso não tem preço estipulado, contribua com quanto puder/quiser.

festival-hilda-hilst-teatro-de-arena


O QUÊ? QUANDO?

Festival Hilda Hilst
De 3 de agosto a 1 de setembro de 2019.

Espetáculos teatrais

Espetáculo em processo: Ensaio da Fantasia
Com a Companhia Barco
Até 1 de setembro.
Sábados, às 20h, e domingos, às 19h
A atividade conta com recurso de acessibilidade (audiodescrição) nos dias 3, 4 e 31 de agosto e 01 de setembro.
Duração: 75 minutos.
Classificação etária: 16 anos.

Livremente inspirado no universo da novela Matamoros (da fantasia), de Hilda Hilst.

Ficha técnica:
Artistas-criadores: Andréia Manfrin, Beatriz Porto, Dante Passarelli, Lucas Leite e Renan Suto | Direção: Criação coletiva | Músico em cena: André Leite

Mostra: Teatrinho Nota Zero
Com artistas convidados
30 de agosto, sexta, às 19h30.

A mostra de cenas curtas é realizada por vários artistas a partir do texto Teatrinho nota zero, que integra a obra Contos d’Escárnio.

Espetáculo convidado: Osmo
Com Donizeti Mazonas (direção de Suzan Damasceno)
22 de agosto. Quinta, às 20h.
Duração: 70 minutos.
Classificação etária: 18 anos.

Osmo, um serial killer com pretensões literárias, está mergulhado na tarefa de escrever sua história quando é interrompido pelo telefonema de uma amiga que o convida para dançar. A partir desse evento, ele inicia um ritual: sair para dançar com uma mulher, fazer amor com ela e depois assassiná-la.

Sussurro poético e Diálogo poético
Com a Companhia Barco
Até 30 de agosto. Sextas, às 21h.

Em Sussurro poético, com aparelhos feitos de conduíte e funil, atores da companhia se espalham pela Praça Roosevelt e recitam poesias de Hilda Hilst. Já na intervenção Diálogo poético, duas cadeiras são colocadas frente a frente na Praça Roosevelt. Atores da companhia e transeuntes ocupam os assentos, lendo e ouvindo poesias.

Shows

Show de encerramento
Com La Once
Dias 31 de agosto, sábado, às 19h, e 1 de setembro, domingo, às 17h
A atividade conta com audiodescrição para o público com deficiência visual.

O repertório inclui canções criadas a partir do universo de Hilda Hilst. Os shows antecedem as últimas apresentações do espetáculo Ensaio da fantasia.

Oficinas

Oficina Voo livre: improvisação vocal
Com o grupo vocal As Joanas
Dia 17 de agosto. Sábado, às 14h.

A oficina busca aproximar o público do autoconhecimento oferecido pela prática vocal, em especial do canto improvisado. Experimentar, cantar e ouvir são os objetivos da vivência.

Oficina Livros de tecido: experiências literárias e táteis
Com Luciana Nobre
Dia 17 de agosto. Sábado, às 16h30
A atividade conta com recurso de acessibilidade (audiodescrição).

A oficina propõe a criação de um livro tátil têxtil. A partir de frases retiradas do texto Matamoros (da fantasia), os participantes podem criar um livro de tecido e desenvolver imagens para suas páginas.

Oficina de criação literária: Poemas sonoros
Com o grupo vocal As Joanas.
Dia 18 de agosto. Domingo, às 14h.

A oficina parte das seguintes questões: qual a relação entre poesia e som? O que acontece quando um poema é lido em voz alta? A partir da obra de Hilda Hilst e das referências pessoais dos participantes, o grupo propõe um espaço de experimentação livre para composição de poemas sonoros.

Oficina O teatro fora dos teatros: reflexões sobre o fazer teatral em espaços não convencionais
Com Roberto Borenstein
Dia 18 de agosto, às 14h.

O ator Roberto Borenstein, idealizador do Teatro Delivery, aborda o fazer teatral fora de espaços convencionais, sua filosofia e as diferenças básicas entre apresentações em locais privados e públicos.

Oficina: Teatro antitédio
Com a Companhia Barco
Dia 24 de agosto. Sábado, às 14h.

A partir da obra Pequenas sugestões e receitas de espanto antitédio para senhores e donas de casa durante o Carnaval, publicado originalmente como crônica no jornal Correio Popular em 1993, a Companhia Barco ministra uma oficina de jogos teatrais de improviso e interpretação, voltada a atores e não-atores.

Oficina Matamoros: do texto à imagem
Com o espaço cultural Vacca Madre.
Dia 24 de agosto. Sábado, às 14h.
A atividade conta com recurso de acessibilidade (audiodescrição).

Oficina de fotografia a partir da leitura e análise de trechos do conto Matamoros (da fantasia). O espaço cultural Vacca Madre conduz os participantes por símbolos, arquétipos e significantes que podem servir de elementos para a construção de uma narrativa visual e fotográfica.

Oficina: Fotografia de espetáculo
Com espaço cultural Vacca Madre
Dia 25 de agosto. Domingo, às 14h.

A oficina tem como objetivo apresentar e testar técnicas básicas de fotografia para a captura de imagens cênicas em espaço fechado e com iluminação de palco. A atividade é voltada para pessoas que possuam equipamento fotográfico de controle manual.

Roda de conversa

Roda de conversa e crítica com Alcir Pécora
Dia 18 de agosto. Domingo, às 20h.

Professor Titular no Instituto de Estudos da Linguagem da UNICAMP/SP, editor da obra completa de Hilda Hilst e crítico literário, Alcir Pécora propõe uma roda de conversa após uma das apresentações do espetáculo Ensaio da fantasia, trazendo à luz questões sobre o texto da autora.

Cortejo Hilda Hilst
Com a Companhia Barco e convidados
Até 1 de setembro. Sábados, às 19h, e domingos, às 18h.

A companhia realiza um cortejo pela Praça Roosevelt e pelos arredores do Teatro de Arena, com músicas e poesias de Hilda Hilst.

QUANTO?

Contribuição consciente

ONDE?

Teatro de Arena Eugênio Kusnet
Rua Dr. Teodoro Baima, 94, Vila Buarque, São Paulo, SP

A COSTUREIRA DE SONHOS — FILME ESTRÉIA EM 23.05.2019

A costureira de sonhos estréia no dia 23 de Maio nos cinemas, o filme esteve no festival de cannes 2018. Um filme que contextualiza o feminismo, diferença de classes sociais, aprendizado e consumo de moda e o cinema indiano. Veja o trailer:

Dirigido e roteirizado por Rohena Gera , o filme relata  uma história de amor que tenta romper as barreiras de classe na Índia.  Em Mumbai, a jovem viúva Ratna trabalha como empregada de Ashwin, um homem de família rica. Embora Ashwin pareça ter tudo, Ratna pode sentir que ele desistiu de seus objetivos e está um pouco perdido. Por outro lado, Ratna, que parece não ter nada, vive cheia de esperança e trabalha com determinação em busca de seu sonho de ser tornar uma estilista famosa. Quando esses dois mundos colidem e os indivíduos se conectam, as barreiras entre esses sentimentos que não condizem com as suas posições sociais vão ficando cada vez  mais evidentes  ocasionando reviravoltas em suas vidas .


Título original: Sir | Direção: Rohena Gera | Roteiro: Rohena Gera | Produção: Rohena Gera, Thierry Lenouvel, Rakesh Mehra, Brice Poisson | Fotografia: Dominique Colin | Edição: Jacques Comets, Baptiste Ribrault | Música: Pierre Aviat | Gênero: Drama | País: França, Índia | Ano: 2018 | Duração: 99 min | Classificação:  10  anos | Elenco: Ahmareen Anjum, Vivek Gomberm Geetanjali, Tillotama Shome

SOBRE A DISTRIBUIDORA IMOVISION: Presente no Brasil há mais de 25 anos, a Imovision vem se consolidando como uma das maiores incentivadoras do melhor cinema, tendo lançado mais de 300 filmes no Brasil. A distribuidora tem em seu catálogo realizações de consagrados diretores internacionais e nacionais, e filmes premiados nos mais prestigiados festivais de cinema do mundo, como Cannes, Veneza, Toronto e Berlim. Mantendo seu foco em títulos de qualidade, a Imovision foi a responsável por introduzir no Brasil cinematografias raras e movimentos internacionais expressivos, como o Movimento Dogma 95 e o cinema iraniano.

Björk Digital no MIS

tumblr_pqp7qzvhbd1qcbsbho1_1280

Ingressos antecipados à venda → https://compre.ingressorapido.com.br/event/60573-2

Show Pink Floyd Dream — The Wall, o Filme

A banda Pink Floyd Dream estará no teatro UMC dia 19/05/2018 com o show Pink Floyd Dream – The Wall, o Filme.

Tocando a trilha sonora do filme “The Wall”, de Alan Parker e Pink Floyd, ao vivo, com projeção simultânea e absolutamente sincronizada do filme na íntegra no telão, com legendas em português, misturando assim as duas artes, o cinema e a música, o espetáculo já foi apresentado em outras cidades do Brasil e retorna agora à São Paulo!


O QUE É?

Show Pink Floyd Dream — The Wall, o Filme

QUANDO?

Sábado, 19 de Maio de 2018, às 22h.

QUANTO?

R$30 (meia entrada) – R$ 60

ONDE?

Teatro UMC

Av. Imperatriz Leopoldia, 550 – Vila Leopoldina – São Paulo / SP


Colaboração/Texto: Amanda Bueno