BATE-PAPO ARTÍSTICO NO MARIA ANTÔNIA | 25 de Outubro

ENCONTRO COM O ARTISTA ALFREDO NICOLAIEWSKY E TADEU CHIARELLI

Uma conversa aberta ao público, com o artista Nicolaiewsky e o crítico de arte Tadeu Chiarelli, curador da exposição de Nicolaiewsky atualmente em cartaz no Maria Antônia,
abordando os processos de criação do artista que, desde os anos 80, trabalha com apropriação e de reedição de imagens das mais diversas fontes, seja da história da arte ou da indústria cultural, conferindo a elas sentidos até então insuspeitados.

25 de Outubro, às 20h. Entrada Franca.
Tel.: 3255-7182 ramal 46
Centro Universitário Maria Antônia USP
Rua Maria Antônia, 294, São Paulo, SP.

Sobre a exposição do Nicolaiewsky

Até 13 jan 2008, seg a sex, das 12 às 21h
sáb, dom e feriados, das 10 às 18h.


série abismo de um sonho, 2005/2007
imagem digital
70 x 100 cm

alfredo nicolaiewsky

O ARTISTA COMO EDITOR

Parte considerável da produção artística das últimas décadas dá conta da avalanche de imagens que assolam nosso cotidiano por meio de operações que as ressignifiquem. Repetindo-as em outra escala, recontextualizando-as ou interferindo em seus processos construtivos, esses artistas depois as devolvem ao universo em que as encontraram. Nesse retorno, no entanto, elas, continuando iguais, são absolutamente diferentes, uma vez que agora apresentam novas possibilidades de significação.
Desde os anos de 1980, o artista gaúcho Alfredo Nicolaiewsky desenvolve importante trabalho neste sentido. A partir da repetição em outra dimensão de imagens votivas ou de construções de cenas a partir de imagens fotográficas, passa a formular sua prática particular de reedição das imagens que encontra no entorno, conferindo a elas sentidos até então insuspeitos.
Esta mostra enfatiza a produção mais recente de Nicolaiewsky, focada na captação de imagens fílmicas via computador. Tanto seus “flagrantes” das passagens de uma cena para outra, numa seqüência cinematográfica, quanto as narrativas que propõe a partir da justaposição de imagens de origens diferentes, o colocam como um dos mais interessantes artistas dentro desta vertente, no Brasil.
Como esta é a primeira individual de Nicolaiewsky em São Paulo, a curadoria – com a concordância do artista – optou por juntar à sua produção recentes, peças mais antigas no sentido de levar o público paulistano a ter uma compreensão mais vasta de seu universo
poético.

Tadeu Chiarelli
curador

Anúncios

Comente aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s